Ads Top

Deus no controle

Mateus 4.1-11
- Introdução: A tentação de Jesus foi composta por propostas para que assumisse o controle de tudo. Mas Jesus era controlado pela ação do Espírito Santo (v.1). O inimigo propõe:

1- Controle de coisas: v.2-4

A primeira tentação de Jesus foi controlar as coisas, ao transformar pedras em pão. Jesus podia fazer isso, mas preferiu deixar Deus no controle.
A solução de Jesus para não controlar as coisas é confiar na Palavra de Deus.
Quando queremos controlar as coisas, não deixamos Deus agir.

2- Controle de si mesmo: v.5-7

A segunda tentação de Jesus foi pular do alto do templo, confinando que os anjos de Deus o protegeriam. Isso seria algo emocionante, mas Jesus preferiu não fazer porque sua vida era controlada por Deus e não precisava fazer isso.
A solução de Jesus para o autocontrole é não tentar a Deus, evitando todo mal.
Quando não controlamos a nós mesmos, impedimos o agir de Deus em nossas vidas.

3- Controle das pessoas: v.8-10

A terceira tentação de Jesus foi controlar o mundo e as pessoas. Jesus é o Rei dos reis e poderia assumir o controle do mundo, mas quer voluntariamente que cada um de nós entregue seu coração para o Senhor.
A solução de Jesus para não controlar as pessoas é viver em adoração rendido aos pés do Senhor.
Quando tentamos controlar as pessoas, nos tornamos empecilho para a bênção de Deus.

-Conclusão: v.11

Quando os anjos vieram servir ao Senhor Jesus, mostraram que quem controlava sua vida era Deus.
Não tente controlar tudo. Deixe Deus controlar sua vida.

© AUTOR: Pr. Welfany Nolasco Rodrigues

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.