RE - Volta Protestante


Atos 2.42-47
Introdução: A Igreja precisa de uma Re – Volta, que é voltar novamente aos seus princípios originais e reformar-se para:

1- Conversão e não religiosidade

Atos 2.42,43 “E perseveravam na doutrina dos apóstolos e na comunhão, no partir do pão e nas orações. Em cada alma havia temor; e muitos prodígios e sinais eram feitos por intermédio dos apóstolos”.

As pessoas estavam na igreja em busca de uma nova vida e não apenas por costume ou religiosidade. A pregação era voltada para a conversão e mudança de vida (Atos 3.19). 
A Igreja precisa de uma Re - Volta à conversão e não apenas religiosidade!

2- Voltar ao amor da Igreja Primitiva

Atos 2.44,45 “Todos os que creram estavam juntos e tinham tudo em comum. Vendiam as suas propriedades e bens, distribuindo o produto entre todos, à medida que alguém tinha necessidade”.

A prática do amor era a maior ocupação dos discípulos na Igreja Primitiva. Não estavam preocupados com mais coisas e sim em amar a Deus e ao próximo (Marcos 12.30,31). Por isso Jesus disse à Igreja de Éfeso: “tenho, porém, contra ti que abandonaste o teu primeiro amor” (Apocalipse 2.4).
A Igreja precisa de uma Re- Volta ao amor dos cristãos primitivos!

3- Voltar-se na direção oposta do mundo

Atos 2.46,47 “Diariamente perseveravam unânimes no templo, partiam pão de casa em casa e tomavam as suas refeições com alegria e singeleza de coração, louvando a Deus e contando com a simpatia de todo o povo. Enquanto isso, acrescentava-lhes o Senhor, dia a dia, os que iam sendo salvos”.

A Igreja só se voltava para o mundo no sentido de evangelização (Mateus 28.20). Estavam dispostos a influenciar o mundo como “sal da terra e luz do mundo” (Mateus 5.14), não se deixando influenciar pelos valores mundanos (Romanos 12.1,2).
A Igreja deve Re - Voltar a evangelizar o mundo e não ser influenciado pelo mundanismo!

Conclusão 

A Igreja precisa de uma nova reforma que seja uma Re-Volta, ou seja, voltar novamente ao seu princípio original.

Rev. Welfany Nolasco Rodrigues

Pastor Metodista. 44 anos. Casado com Ássima, pai de Heitor e Hadassa. Natural de Muriaé MG. Bacharel em Teologia pela UMESP.

Faça um comentário, mas só podemos publicar se identificar.

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem

promoção de livros devocional diário