Ads Top

Cristãos suscetíveis

I Coríntios 11.30
- Introdução: A falta na comunhão com Deus, representada pela Santa Ceia fragiliza e expõe muitos cristãos a:


1- FRAQUEZAS: “Eis a razão por que há entre vós muitos fracos...”.

A fraqueza espiritual provém da falta de alimentação saudável como o ato de cear de forma consciente e constante (I Coríntios 11.23-28).
Pessoas fracas não conseguem se sustentar muito tempo de pé. Clame ao Senhor que te fortaleça em tudo (Filipenses 4.13).

2- DOENÇAS: “e doentes”.

As doenças, muitas vezes não são apenas físicas, mas emocionais e espirituais, fruto das contendas e desgastes que nos submetemos desnecessariamente (I Coríntios 11.18-20).
Pessoas doentes estão incapacitadas para o serviço. O Senhor cura de todas as enfermidades (Isaías 53.4,5).

3- PREGUIÇA: “e não poucos que dormem”.

A sonolência pode ser fruto dos excessos como alimentação desregrada, causando uma ‘obesidade’ espiritual, também por falta do exercício das disciplinas cristãs (I Coríntios 11.21,22).
Pessoas preguiçosas espiritualmente não se dispõem para servir. Deus quer que você se disponha a servir em todo o tempo sem desanimar (I Coríntios 15.58).

-Conclusão: Precisamos buscar ser cristãos fortes, saudáveis e dispostos a servir a Deus. Através da comunhão, na presença do Senhor nos preparamos para uma vida cristã autêntica.

© AUTOR: Pr. Welfany Nolasco Rodrigues

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.